Pescadores são flagrados com apetrechos não permitidos em propriedade de Iacri

Diante do fato, foram elaborados os três autos de infração ambiental, no valor de 734,40 para cada autuado, e os peixes e materiais de pesca apreendidos


Três pessoas foram autuadas com multas no valor de R$ 734,40 cada, por realizar pesca com apetrechos não permitidos, no Rio Aguapeí.

As autuações foram aplicadas depois que os pescadores foram flagrados em uma propriedade, no município de Iacri, com uma rede de emalhar de 50 metros de comprimento, uma tarrafa e dois peixes, sendo uma Piapara e um Curimbatá.


Segundo informações, a equipe da Polícia Ambiental de Tupã, realizava a Operação São Paulo Mais Seguro e ao fazer vistoria ambiental em uma propriedade, flagrou um veículo Santana Quantum, ocupado por três pessoas, saindo de uma mata ciliar.


Devido a atitude suspeita dos ocupantes do carro, foi realizada a abordagem para averiguação.


Durante revista pessoal e veicular, foi localizado no porta malas do carro, a rede de emalhar a tarrafa e os dois peixes.

A Polícia Ambiental informou que os abordados alegaram que vieram para o município no dia anterior e armaram a rede no Rio Aguapeí.


Diante do fato, foram elaborados os três autos de infração ambiental, no valor de 734,40 para cada autuado e os peixes e materiais de pesca apreendidos.

Bastos Já